Dona Maria Gabriela

DONA MARIA GABRIELA DE ORLEANS E BRAGANÇA

 

Sua Alteza Real a Senhora Dona Maria Gabriela Josefa Fernanda Yolanda Micaela Rafaela Gonzaga de Orleans e Bragança, Princesa do Brasil, Princesa de Orleans e Bragança, é atualmente a quinta na linha de sucessão ao Trono e à Coroa do Brasil.

 

INFÂNCIA

Nascida no dia 8 de junho de 1989, no Rio de Janeiro, é a mais moça dos quatro filhos do Príncipe Dom Antonio de Orleans e Bragança e de sua esposa, a Princesa Dona Christine de Ligne de Orleans e Bragança.

Seus padrinhos de batismo foram o seu tio paterno, o Príncipe Dom Fernando de Orleans e Bragança, e a sua tia materna, a Princesa Yolande de Ligne (Senhora Hugo Townsend).

Foi criada em Petrópolis, a Cidade Imperial, na Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro, junto de seus irmãos, o saudoso Príncipe Dom Pedro Luiz, a Princesa Dona Amélia e o Príncipe Rafael de Orleans e Bragança.

 

FORMAÇÃO E ATIVIDADE PROFISSIONAL

Estudou no Instituto Social São José e no Colégio Ipiranga, em Petrópolis. Em 2012, concluiu o curso de Comunicação Social da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

Atualmente, reside em Bruxelas (Bélgica), onde atua profissionalmente na área de publicidade.

Além do português, fala fluentemente francês, inglês e espanhol.

 

PRINCESA DO BRASIL

Criada segundo a noção de que a Família Imperial Brasileira tem graves obrigações para com o Brasil e o seu povo, desde muito nova acompanha os seus pais, irmãos e tios em Encontros Monárquicos e eventos correlatos.

Residindo na Europa, mantém estreito contato com o escol da realeza e da alta nobreza católicas do “Velho Mundo”, o que de certo muito lhe ajudará a fazer um prestigioso casamento dinástico, de acordo com as melhores tradições da Família Imperial.

 

GOSTOS E PASSATEMPOS

Musicista de grande talento, possui o chamado ouvido absoluto – fenômeno auditivo considerado raro, caracterizado pela habilidade de uma pessoa identificar ou recriar uma dada nota musical, mesmo sem ter um tom de referência. Cantou no Coro das Meninas Cantoras de Petrópolis e no Coral da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Além de cantar, toca piano e violão.

No campo dos esportes, pratica golfe e tênis, que considera verdadeiras “tradições de Família”.

É ainda apreciadora de livros, filmes e documentários voltados para temas históricos.

 

A Família Imperial